Casada Gaucha Ninfeta Novinha Cavalgando Na Pica Do Amante E Corno Filmando

Casada Gaucha Ninfeta Novinha Cavalgando Na Pica Do Amante E Corno Filmando

Casada Gaucha Ninfeta Novinha Cavalgando Na Pica Do Amante E Corno Filmando

Mas quando estávamos saindo do motel, bem na portaria encontramos com dois amigos da nossa turma, que estavam entrando com as suas namoradas, fizemos de conta que não nos conhecíamos, mas algum deles contou para o meu cunhado, ai aquele dia do churrasco ele chegou perto de mim e me falou, que sabia o que tinha acontecido comigo lá em porto seguro, eu me fiz de desentendida e falei, eu conversei com um colega da faculdade, almoçamos e jantamos juntos, porque o que foi que aconteceu, meu cunhado deu uma risadinha e disse o que aconteceu eu não sei, eu só sei que viram você saindo do motel acompanhada de um amigo, ai eu percebi que eu estava no mato sem saída, então perguntei quem tinha lhe contado, ele me respondeu foi um passarinho, também já não importava quem tinha lhe contado, mas eu fiquei assustada porque apesar de ter sido antes de estar casada, mas eu estava noiva e faltava um semana para o meu casamento e porque o meu marido é muito ciumento, eu não sei qual seria a reação dele se ele descobrisse essa traição, então lhe perguntei mas porque você está dizendo isso agora, ele me respondeu não se preocupe, eu não vou contar nada pro meu irmão porque ele é muito chato, mas tem um preço pra que eu não fale e fica tudo em segredo entre nós dois.

Na terça, fui lá, ela me recebe toda sorridente, e mto gata, um vestido soltinho, decotado, quando ela virou eu morri, que rabão, tomamos umas e fomos chegando cada vez mais perto e rolou um beijo, e ai a coisa esquentou, ela estava mto tarada, fomos tirando a roupa um do outro e ela caiu de boca chupando mto meu pau, depois me beijava, eu chupei os peitos e fomos pro quarto, chegando lá deitei e ela veio chupando de 4 virada de lado pra mim eu coloquei dois dedos naquela buceta e comecei a socar, puxei ela para um 69 e ela delirou, depois coloquei ela deitado e cai de boca na buceta, chupei um tempão que ela acabou gozando, e veio pra cima de mim e cavalgou no meu pau e eu chupando os peitos dela, nessa posição ela gozou de novo, então peguei ela de 4 e fodi gostoso aquela bunda, queria comer o cuzinho, mas ela disse que hj não, nem me importei, continuei bombando naquele bundão tirei o pau de jorrei mta porra naquela bunda gostosa, óbvio que pela experiencia ela dava um pau na filha, era mto gostosa, mas a filha é novinha, super delicia, e eu queri continuar comendo ela rsss, conversamos e ela mesma disse que não queria que a larissa soubesse e se nós quisessemos sair de vez em quando ela dava um jeito, ela tinha separada fazia 1 ano e estava há 7 sem trepar, disse que saiu com um cara, mas que nao sai mto e tal, bom resumindo, continuei comendo mãe e filha, e a carol é claro, porém a carol meio que pulou fora do barco, a carol e a larissa treparam comigo juntas mais umas duas vezes e eu via que a Larissa tava meio com ciume princpipalmente pq sabia que eu tinha saido sozinho com a carol umas vezes, por isso a carol pulou fora, ainda fiquei comendo a Larissa e a Suzanne mae dela por uns 6 meses, até que ela arrumou um namoradinho, pois eu não queria namorar ela e a suzanne nao permitiria tb, ainda mais pq comia ela né, enfim, eu comi a suzanne por mais uns 6 meses e ai paramos, eu tb comi a Larissa de vez em quando, ela traiu o namoradinho comigo, pq dizia que eu era safadao, o carinha tinha uns 19 anos, mas por fim deu parei com elas antes que desse rolo, mas foi mto bom tudo isso.

É lógico que fiz algumas restrições,já que a última vez que eu a vi ela era totalmente impossível de se conversar,sendo sempre muito independente e arteira,aprontando mil e uma com assunto de namorado,isso e aquilo,apesar de não ser bonita(pois na época ela tinha 12 anos e estava naquela fase de espinhas,aparelho nos dentes e umas gordurinhas sobrando na barriga)sabia pegar um cara de jeito;por tantas vezes eu me peguei batendo uma punheta pra ela ou ficando de barraca armada por causa daquela ninfeta que me atentava com uma certa voz rouquinha e um jeitinho atentado de ser.

Mexi, vagarosamente, minha mão dentro dela, e ela filmando minha chupada.

Realço aqui que são todos reais os meus contos…Estava eu hospedado num hotel da Serra gaucha, Caxias do Sul mais precisamente, hotel novo bem conceituado para pessoas de bom gosto. E comecei a bater e veio o êxtase de uma gozada e a levo ao banho e assim como ela evita a palavra corno, eu queria ser chamado de corno e não restavam duvida eu era corno, pois se minha própria mulher diz… Sai manso… E como um corno volto pra vê e quero bate uma e quando entro em casa a vejo com a boceta melecada de porra, a rosquinha arrombada e ainda diz pra mim… Quer um cuzinho?E eu estava quase não resistindo à tentação de pedi-lhe pra ela me chama de corno e foi quando ela disse mansamente em meus ouvidos corno tá gostando? Eu sei muito bem que tu tava olhando e tua esposa deu o cuzinho dela que estar saindo esperma e não duvide foi naquele sofá que saímos juntos pra comprar e fiz tudo pra você chegar a casa e encontrar o cuzinho da sua amada desse jeito e agora é tua vez, e esse pedido me fez deliciar-me por completo e quem já comeu o cuzinho da esposa arrombado outro sabe que quando a gente mete não tem prega pra arrombar e foi a melhor gozada que dei e eu que nem sentia meu pau entrando e ela perguntou… Eu fiz certo? , mas não precisa responder em palavras se gostou vira de costas pra mim. ela – TÀAAA BEIJOOOOAgora você deve estar se perguntando porque então eu arrumaria um amante se meu casamento está bem? A questão é que conheço meu marido desde que somos adolescentes, e nunca tive outro homem. Então tirei meu pau e a levantei, e falei pra ela que queria sentir a minha vadia cavalgando em mim, e sentei no sofá.