Meu Macho Fode De Quatro Enquanto Chupo O Corno

Meu Macho Fode De Quatro Enquanto Chupo O Corno

Meu Macho Fode De Quatro Enquanto Chupo O Corno

Fez um sinal rápido para ele de que havia gente na casa, ele entendeu e entrou sem fazer nenhuma gracinha.

Na saída do teatro, por volta das 22:00hs, ela me disse que queria fazer um boquete na rua (estava com um movimento razoável) e que eu gozasse na sua boca. Achei que fosse a Loira, mas pra minha surpresa, era mais um cara.

Acariciou a xoxota dela sentiu que estava sem calcinha.

Comecei a estudar e nos mudamos de cidade, fazia 2 anos que eu n ia na casa do meu primo, entao um dia nos fomos para a cidade dele, chegando la comprimentei meus tios e ele, e meus pais e os pais dele foram comprar roupa num shopping perto da cidade, ficamos eu e ele la jogando PES. Fechei os olhos, ainda com o movimento cada vez mais suave dos dedos da Luana. Ficamos todos só na vontade de foder e com receio de iniciar alguma coisa com dois caras que não sabíamos se topava uma sacanagem entre machos. Rimos e Rebeca falou que iria lá. Somos amigos á uns 8 anos mas ficamos mais próximos quando ele completou 14 e isso foi do nada. Isso talvez tenha me levado a procurar um pouco de tudo em matéria de sacanagem e por incrível que parece”quase” tudo me agrada, ou seja, minha cabeça é bem aberta.

Eu já não estava mais sob controle.

Realmente, no frango assado entra tudo mesmo, de bater forte as bola em mim, chegava a dar uma dorzinha no fundo quando o pau entrava no cólon, mas até isso eu não tava ligando, gozei de novo, mas menos intenso, acho que foi a dorzinha bem no fundo.

Enquanto a mulher me abocanhava, eu via minha mulher ser penetrada pelo Roberto. Matheus me guiou até a cama e me pôs de quatro. Disse que podia ser na sala mesmo.

Ele chupou o meu pescoço, puxou o meu cabelo e disse: “Vai para o banco de trás”. Abri com todo cuidado a porta procurando evitar qualquer ruído, típico do corno manso.